Romanticamente Apocalíptico

Romanticamente Apocalíptico [154]

ra154g

snippyavatar4

Nossa paz não durou muito. Uma explosão maciça e ardente lançada do arranha-céu quebrado estalou o feixe de metal no qual eu estava pendurado, nos fazendo voar.

Um pedaço de metal queimado atingiu o Piloto, tirando a katana de sua mão e lançando-a em algum lugar dentro da fumaça.
Ele não se incomodou em ir atrás dela, não … ele foi atrás de mim.
Ele me chamou “INSCANEÁVEL” e gritou algo sobre mim sendo “RESPONSÁVEL PELA QUEDA DE EUREKA!”
Eu não tinha ideia de qual era seu problema. Eu estava preso na Zona Morta enquanto a cidade caiu em ruína.

As injeções de adrenalina da Biomatrix devem ter me mantido a salvo. Elas foram provavelmente a única razão pela qual eu não deixe cair a espátula. Deve ter havido meros segundos entre nós e o chão, mas a minha percepção do tempo permaneceu prolongada, as minhas respostas mais rápidas do que nunca, a minha visão num raio vertiginoso de 360 graus. Minha audição estava incrivelmente clara, sem ser afetada pelo choque horrível da explosão. Uma Interface Neural brilhantemente azul piscou lentamente, coroando a cabeça do Piloto.
Um pensamento me ocorreu … “E se eu fosse …?”
Piloto nadou pelo ar em minha direção em movimentos deslizantes, seus braços se fechando em volta do meu pescoço em uma tentativa de quebrá-lo.
“HORA DE PAGAR SUAS FATURAS POR TUDO O QUE FEZ!” Ele sibilou friamente.
Eu me torci, girando com mais força do que seu golpe bloqueador poderia aguentar.
“Meu cartão de crédito expirou!” Eu respondi, carregando a espátula extremamente cega em sua cabeça, quebrando o nó direito da sua interface neural. Pedaços de microchips e faíscas elétricas seguiram o movimento deslizante da espátula.
O Transmissor Neural esquerdo piscou neuroticamente, tentando fazer contato com o hemisfério direito do cérebro do Piloto.
O Piloto ficou retorcido, agitando-se em tormento. A interrupção neural repentina equivale à fusão mental! Hah! Toma!
Quando nosso voo estava quase concluído eu vi seus olhos pela primeira vez, direto através dos óculos verdes refletores.
Eles estavam cheios de medo e confusão sem fim.
“O que ?! Por que ?! Snippy ?! Saia da minha torradeira!” – gritou ele com sua voz antiga, difícil de se compreender, incapaz de entender a inexplicável mudança da realidade provocada pelo completo colapso neural / mental.

Eu tive a minha vitória!
Então … o chão veio até nós com seu abraço amoroso e duro.

AGRADECIMENTOS:

Alexius, pela sua brilhante criação;
Aos apoiadores do Capinaremos, que atingiram a meta para o retorno do RA;
Tereza Sylvio, pela tradução do texto deste capítulo.

Comentários

Populares

Topo