Criptaremos

CRIPTAREMOS – Buzinasso

Fala Carnavalesco,

Hiatus de 3 semanas não é pra qualquer um, mas ninguém lê essa coluna mesmo então nem faz diferença. Aproveitando, que tal você re-ler uma outra história com o tema carnaval? AQUI

“A noite chega e é sempre mais escura pouco antes do amanhecer, isso é, se você sobreviver até lá.”

Abra sua mente, apague as luzes e se tranque no quarto, pois agora é a hora do terror.

Buzinasso

– BÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉ – Andrei acorda repentinamente e assustado com o barulho alto de uma buzina de carro – Que? – Se perguntou – Olhou em volta e se deu conta que estava deitado no sofá de casa, a sala vazia e escura só era iluminada por uma tv ligada num canal de culinária e um estranho cheiro de fumaça no ar. Ele olhou no relógio 2:53 AM.

Dormi no sofá denovo? – Concluiu – BÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉ – continua o barulho – Ai, minha cabeça! – exclama Andrei.

A cabeça de Andrei latejava – Acho que exagerei ontem –  essa buzina realmente o despertou, por falar em buzina o som contínuo dela disparada não ajudava em nada com o latejar. – – BÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉ.

Ele se levanta e ainda atordoado, não se sabe se pelo sono que sente ou pelo susto do despertar repentino e vai até a janela – Quem será o filhodaputa que está com esse barulho infernal a essa hora? – Vasculha pela rua de onde pode estar vindo o som mas sem sucesso, a garganta seca informa que precisa de um copo d’água então desiste de achar a origem do som.

Mesmo no caminho até a cozinha o barulho da buzina não diminui. Lá ele abre a geladeira, procura e tenta se lembrar – O que eu vim pegar aqui mesmo? – Fecha a a geladeira. Sua cabeça latejante o incomoda então o pensamento vem a mente – Preciso de uma aspirina e….lembrei o que vim fazer aqui! – Andrei volta a abrir a geladeira e pega a garrafa de água gelada. – BÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉ – a incessante buzina.

Andrei se irrita – Puta que o pariu, barulho do caralho – ele volta a sala, acende as luzes, abre a porta e sai na rua pra ver quem é o dono do carro, o bééé o acompanha a todo momento.

Dentro da casa, Soraia sua esposa se levanta, ela vai até a cozinha – Andrei? – Ela vê e fecha a porta da geladeira, olha no relógio são 3h da manhã. Ela então vai até a sala onde as luzes e a tv estão acesas, ela olha com receio e vê a porta aberta, muito assutada Soraia corre de volta para o quarto, se tranca e pega o celular na cabeceira da cama, ela diz 1…9…0.

Alô – Dois toques foram o suficiente para a atendente do outro lado atendesse

Alô – respondeu Soraia um pouco ofegante – Moça, invadiram minha casa – afirma assustada.

A senhora está sozinha? qual o endereço? – pergunta prontamente a atendente.

Sim estou, meu marido foi viajar de carro para o interior hoje mais cedo e estou apenas eu em casa!

Longe dali, na BR 106 um carro batido na estrada, um homem ensanguentado está com a cabeça apoiada no volante, a buzina está disparada. – BÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉ –

Comentários

Populares

Topo