• Ah Vai Carpi Milho

    Mãos Dadas.

    Você considera que dar as mãos com a sua namorada(o) é uma parte simples e sem muita importância para o relacionamento, não é mesmo? Pois é ai que você se engana, as mãos dadas são uma parte fundamental para o bom funcionamento da relação.

    Entenda um pouco mais sobre cada tipo de aperto de mão, e não faça feio na hora de passear com seu parceiro:

    O Enlace: O aperto de mão mais correto que existe. Confúcio uma vez disse: “O maior teste do amor é se as pontas de seus dedos se tocam ou não.” Ele disse também: “Você provavelmente irá parar de assistir Os Simpsons na nona temporada.” Então você sabe que ele é esperto.

    Problema Duplo: Você tem uma mão defeituosa virada ao contrário. Isso, ou você é incapaz de caminhar para frente. Você é um felizardo por estar em um relacionamento para ínicio de conversa. Fique feliz por ter alguém que segure sua mão.

    O Grito Rebelde: Sua mãe não quer que você namore um cara com piercings. Mas você diz a ela que vocês se amam e é assim que vocês passeiam no parque. As lágrimas dela mostram que sua rebeldia está funcionando.

    Coleira Dedal: Você é um capacho humano. E está sendo guiado pelo seu parceiro. É degradante.

    Estrangulamento: Você odeia que ele olhe para outras garotas. Ele não sente mais a mão com a falta de sangue circulando. Ambos ficam felizes, não?

    Dois Mindinhos: Um aperto de mão com apenas um dedo? Isso é um ultraje! Isso é tudo que você consegue fazer? Pare com isso agora! Agarre essa mão direito, porra!

    O Cesto de Pão: Você passeia com seu namorado(a) do jeito do que você anda com sua vó? Por que esse estilo de mãos dadas é uma porcaria. A não ser que você namore sua vó, ai tudo bem, mas… ECA!

    Aquiles: Isso significa que você namora alguém que pertence ao exército romano. MASSA BAGARALEO!

    Adaptado d’aqui.
  • Ah Vai Carpi Milho

    Burocracia.

    Photobucket

    Um ditado tribal antigo, passado de geração em geração, já dizia: “Quando você descobre que está cavalgando em um cavalo morto, a melhor estratégia é desmontar dele.“No entanto, em corporações governamentais e em grandes empresas burocráticas, outras estratégias são usadas, como por exemplo:

    1. Comprar um chicote mais forte.

    2. Trocar de montador.

    3. Montar um comitê para estudar o cavalo.

    4. Arranjar visitas a outros países para observar como eles andam em seus cavalos.

    5. Diminuir os padrões, para que os cavalos mortos possam ser incluídos.

    6. Reclassificar os cavalos mortos como “inapropriadamente funcional”.

    7. Contratar especialistas de fora para montar no cavalo.

    8. Juntar todos cavalos mortos juntos, para dar a impressão de uma boa organização.

    9. Providenciar mais investimentos para treinar os cavalos mortos, melhorando sua performance.

    10. Praticar um estudo detalhado para saber se montadores mais leves melhoraria o desempenho do cavalo morto.

    11. Declarar que cavalos mortos não precisam ser alimentados, custam menos, carregam mais peso e, portanto, são mais econômicos que outros cavalos.

    E o favorito dos burocratas…

    12. Promover o cavalo morto para um cargo de supervisão.

  • Ah Vai Carpi Milho

    Humorômetro

    Humorômetro é algo que vem ganhando seu espaço nas mesas de escritórios.
    Para mim não tem muita utilidade, mas, está na moda.

    Por isso, nós do Capinaremos estamos disponibilizando para vocês, amigos/amigas o nosso humorômetro.

    Muito mais simples que os encontrados no mercado que são cheios de putices, fazendo com que nem você saiba como está de verdade.

    Nele ou você está Marcos, ou você está Zanfa.

    Image Hosted by ImageShack.us


  • Egocentrismo

    Política de parcerias.


    É um fato conhecido que para um blog ser grande e possuir leitores, ele deve ter muitos parceiros, ou alguns parceiros muito bons. O Capinaremos conta hoje com um bom número de parceiros, e todos eles apresentam um ótimo conteúdo. Porém, parceiros nunca são de mais, e como, inacreditavelmente, ainda tem gente que pede para ser nosso parceiro, resolvi criar uma Política de Parcerias.

    Pensei em algo bem simples, não muito democrático, mas que seja bom para ambos os lados.

    1°) Todo e qualquer pedido de parceria deve ser encaminhado para o email CapinaremosRH@gmail.com. Não responderei pedidos de parceria enviados nos comentários, no orkut, por pombo correio ou sinais de fumaça.

    2°) No email, peço que especifiquem, além do seu blog (acreditem, já pediram parceria sem informar isso), a forma de parceria que desejam obter: Troca de links, de banners, de oferendas, de favores…

    3°) Caso você deseje uma troca de links, o seu pedido será aceito automaticamente, links não pesam no layout. Salve algumas exceções, exemplo: seu blog conter pornografia pura (um pouquinho pode), seu blog conter só downloads (um pouquinho pode também), seu blog for muito ruim (um pouquinho pode, afinal somos também), seu blog conter qualquer conteúdo que eu considere impraticável e incoerente, tendo em comparação o próprio Capinaremos (violência, pedofilia, miguxês, meu querido diário, assuntos emos, neonazismo, racismo. Esses temas não pode, nem um pouquinho.).

    4°) Caso você opte por uma troca de banners, algumas considerações devem ser tomadas:

    4°a) Verificação de todos os itens supracitados.

    4°b) Informação de aonde o nosso banner ficará em seu blog. Por que aqui no Capinaremos, todos os banners dos parceiros ficam visíveis, e na parte de cima, não gostaria de ficar no rodapé da página, no limbo de banners aleatórios, ou então no meio de quinhentos banners piscantes. Usarei o bom senso na hora de aceitar uma troca de banners.

    4°c) Mensalmente os banners poderão ser reposicionados de acordo com o número de visitas enviadas. Mas pode não ocorrer, por que esse blogueiro que vos fala é preguiçoso pra caralho.

    4°d) Tenha em mente que eu não quero sobrecarregar o blog, então eu não faço muitas parcerias com banners, mas se eu verificar que a troca será justa, e o seu blog for legal, por que não?

    5°) Não esperem respostas rápidas dos pedidos de parceria, às vezes eu posso demorar para responder, mas eu respondo, negativa ou positivamente. Só não incendeiem minha casa se lerem um não.

    6°) A respeito das parcerias já firmadas, de tempos em tempos eu confiro todos os blogs, para ver se o nosso banner/link ainda se encontra no blog parceiro. Caso não encontre, automaticamente removerei o banner/link do blog. Outra forma de perder seu banner ou link aqui no Capinaremos é a inatividade, se eu verificar que o seu blog está morto (há mais de um mês sem postagens sem motivos aparentes), seu link/banner também será removido. Caso volte a blogar é só me informar no email, que seu banner volta para onde ele estava.

    7°) Não temos um fluxo de visitas tão elevado, então eu não vejo um blog pelo seu número de visitantes, e sim pelo seu conteúdo. Por isso, se você tem um blog novo, não se acanhe em pedir parceria, seu email receberá a mesma atenção que um email do Tabet.

    Caso tenha alguma dúvida, opinião, sugestão ou crítica, é só mandar para o email: CapinaremosRH@gmail.com.

    Um abraço galera. 😉

  • LOL Risos

    It’s meeeeeeeee!!!!


    Mario é com certeza o personagem mais querido de todos os tempos. Tem fãs espalhados por todo o globo terrestre, quem sabe até pela galáxia. Sucesso estrondoso em vendas. Para alguns vale tatua-lo para sempre no corpo.













    De todas a única que eu teria coragem de fazer é a do cogumelo verde, e em tamanho reduzido ao apresentado pela moçinha. =P

  • LOL Risos

    Índice de Desempenho.

    Muitas empresas têm aqueles cartazes/outdoors dizendo que estão a X dias sem acidentes. Como forma de influenciar seus funcionários a cuidarem da sua segurança e também da segurança do seu colega de trabalho.

    Mas existem cartazes similares a esse, que são mais interessantes:


    Photobucket
    Olha a cara de felicidade do chefe bigodudo lá.
  • Ah Vai Carpi Milho

    Namoros pelo mundo.

    Nesse dia tão especial e bonito, uma postagem que mostra as pequenas diferenças entre as mulheres e suas diferentes etnias, culturas e costumes.


    MULHER BRANCA
    Primeiro encontro:
    Você lhe dá um beijo de boa noite.
    Segundo encontro:
    Você já pode agarrar por tudo.
    Terceiro encontro:
    Você pode transar, mas só na posição papai-mamãe.

    MULHER IRLANDESA
    Primeiro encontro: Ambos ficam bêbados de cair e transam.
    Segundo encontro: Ambos ficam bêbados de cair e transam.
    20º Aniversário: Ambos ficam bêbados de cair e transam.

    MULHER ITALIANA
    Primeiro encontro: Você tem que levá-la para o teatro e um bom restaurante.
    Segundo encontro: Você conhece a família e a mãe dela faz espaguete com almôndegas.
    Terceiro encontro: Vocês transam, ela quer casar e insiste em ter uma aliança de ouro 18 quilates.
    5º Aniversário: Você já tem 5 filhos e detesta o pensamento de fazer sexo.
    6º Aniversário: Você procura uma amante.

    MULHER JUDIA
    Primeiro encontro: Você recebe o melhor sexo oral do mundo.
    Segundo encontro: Ainda mais sexo oral.
    Terceiro encontro: Você a pede em casamento e nunca mais recebe sexo oral de novo.

    MULHER CHINESA
    Primeiro encontro: Você paga um belo jantar, mas nada acontece.
    Segundo encontro: Você paga um jantar ainda mais caro. Mas nada acontece novamente.
    Terceiro encontro: Você nem aparece, por que você já sacou que não ia acontecer nada de novo.

    MULHER INDIANA
    Primeiro encontro: Conhece os pais dela.
    Segundo encontro: Marca a data do casamento.
    Terceiro encontro: Noite do casamento.

    MULHER NEGRA
    Primeiro encontro: Você paga um jantar caro.
    Segundo encontro: Você paga uma jantar muito caro para ela e as amigas dela.
    Terceiro encontro: Você tem que pagar o aluguel dela.
    Décimo encontro: Ela está grávida, e o filho não é seu.

    MULHER MEXICANA
    Primeiro encontro: Paga uma belo jantar, fica bêbado de Tequila, e transa no banco de trás do seu carro.
    Segundo encontro: Ela está grávida.
    Terceiro encontro: Ela muda-se para sua casa. Uma semana depois a mãe dela, o pai, a irmã, os três irmãos, todos filhos deles, a vó, a tia caolha, o namorado da irmã, as duas primas do namorado da irmã, os três cachorros e os dois papagaios mudam-se para sua casa. Que era um lugar bacana, e agora parece um cenário de novela de quinta categoria.

  • Egocentrismo

    Doutor Pimenta.

    O mais novo parceiro do Capinaremos chegou para revolucionar o mundo dos quadrinhos, com criatividade, ousadia e, claro, muito humor.

    Tá, talvez não mereça tantos elogios assim, mas como eu gosto de ser simpático com os parceiros… Além do mais, ele fez um jabazinho nosso lá!

    Photobucket

    Chique né? Fora o fato de esmagar o nosso pequeno worm…

    Pois muito bem, não deixem de visitar o blog do DrPepper, ver, avaliar e comentar as tirinhas do rapaz. 😉

Carregar Mais
Topo