• Imaginaremos

    Imaginaremos #31: The Strange

    Capa Imaginaremos31

    Seja bem-vindo, agente. Você está sendo notificado por meio desse conteúdo postado no blog Capinaremos a se inscrever no feed de notícias para não perder nenhum briefing. Agora, iremos as introduções.

    ST-13-EstateOperativesBriefing-CyrilTerpent-HALF-PAGE-2014-02-28-copy

    Nós sabemos quem é você. Você está sendo notificado por meio desta carta eletrônica criptografada em formato de post pois difere dos demais de sua espécie. Sua capacidade de dedução o levou a ser recrutado como um operativo de nossa organização. É esperado que você memorize todo o conteúdo deste memorando. A organização expressa imensa gratidão pela sua aplicação, agora, vamos ao trabalho…

    O que é o Strange? Bem… Digamos que é uma rede criada por blablablabla aliens, há milhões de anos atrás. Nossos melhores pesquisadores acreditam que a rede foi criada para permitir a viagem intergaláctica. Não sabemos ao certo o que deu de errado mas… Os criadores da rede perderam o controle de sua criação. O resultado disso ocorreu no curso dos éons e a Strange tornou-se caótica, selvagem, com suas próprias regras (e por isso chamaremos a Rede de Caosfera também).

    Não pense que a Caosfera é estéril. Criaturas vivem naquele lugar e os mais hediondos, apelidamos de Planetívoros (o nome está sendo trabalhado). Eles se aproveitam da falta de leis dentro da Strange. Chamamos essas criaturas de (ah…) Planetívoros por que A) O Estado tem evidencias que um deles tentou consumir nosso planeta quando descobrimos a Caosfera e B) Por que eles blablablablablablablablablablabla.

    2

    Planetívoros não conseguem acessar (normalmente) áreas cujas leis naturais restringem o ambiente, como a Terra, por exemplo. Mas pontes podem ser construídas, propositalmente ou não. Encontrar ou construir essas pontes parece ser o objetivo primário dessas criaturas e de seus intermediários. Prevenir que isso aconteça a todo custo, é sua missão, operativo.

    Recursões na Strange

    The-Strange-Estate-Operatives-600x360

    Regiões estáveis são chamadas de Recursões. Imagine como microversos, minúsculos pedaços de cosmo flutuando em uma espiral de caos. Cada um opera dentro de um sistema particular de regras, o que quer dizer que os Planetívoros tem quase a mesma dificuldade de entrar neles quanto na Terra. Na verdade, uma recursão pode atuar como barreira para prevenir um Planetívoro de chegar à Terra, graças a presença de suas regras únicas.

    A Terra e seu universo visível atuam sob um conjunto único de regras também, que nós MCG028 The Strangechamamos de Física Padrão. Porém isso não é válido para as recursões. Cada uma pode operar sob diferentes padrões. O Estado classificou os seguintes comportamentos desses conjuntos de regras a partir dos seguintes nomes: Magia, Ciência Insana, Psionismo, Física Padrão e blablabla.

    Como um operador, você carregará seu distintivo enquanto estiver nas nossas dependências e também fora delas, a menos que esteja atuando disfarçado. Seu distintivo o garantirá acesso aos edifícios do Estado e em áreas especificas para seu nível de operador. Distintivos devem ser portados na cintura e estarem sempre a mostra nas imediações da Organização.

    A Tradução e você

    1

    Durante seu período de trabalho, você será traduzido durante suas viagens pelas recursões. Alguns operadores novatos acham esses processo desconcertante e eles não estão tão errados ao se sentirem assim. Esteja ciente que você poderá ser transformado em alguém com diferentes habilidades e até mesmo adquirir uma forma completamente alienígena para os padrões humanos. Caso sinta-se estressado ou confuso após a tradução, contate outro operador imediatamente. Nossos inimigos geralmente atacam os operadores afetados primeiro…

    Cyphers

    Como um operador iniciante, você receberá um ou mais cyphers. Um cypher é um pequeno aparato que pode gerar um efeito único e potencialmente incrível. Apesar de aparentar ser um item ordinário, cada cypher é único e especial. Tratam-se de manifestações da Strange que ainda não compreendemos em totalidade. Nós esperamos que use seus cyphers para concluir suas missões, porém advertimos para o uso imprudente e desnecessário desses dispositivos.

    3

    Caso existam outras questões, preocupações, requisições de equipamento, traga-as para o seu chefe de departamento. Para todo resto, contamos com sua própria discrição. Essa discrição é o principal motivo de nosso convite para a vaga de Operador.

    E então, pronto para se aventurar na Strange e proteger a Terra, agente? Interessado em saber mais sobre sua função? Bem, saiba que a Editora New Order recentemente financiou um protocolo de criptografia, nomeado The Strange RPG. Você pode adquiri-lo clicando aqui.

    Fechamento



    A coluna Imaginaremos é uma criação da mente insana de Murilo Lamegal. Tento manter a regularidade disso daqui, todas as sextas-feiras. Assine o feed de notícias ou volte semana que vem para mais matérias sobre esse hábito tão delicioso que é rolar dados e interpretar personagens vindos de nossa imaginação!

  • Meu AUmigo Cão

    Marley e Eu é um bom filme?

    Marley & Eu e um dos filmes mais famosos da atualidade.

    Sua história gira em torno de um labrador, muito sapeca, e rende muitas risadas. Fizemos uma análise relacionada a construção da história, adaptação do livro para o cinema, personalidade do cão e contamos algumas curiosidades do filme. Confira.

  • 5 Músicas

    5 MÚSICAS – HISTÓRIAS MUSICAIS Pt.1

    Algumas pessoas expressam sua dor ou felicidade em forma de canção, contam histórias pessoais ou até mesmo histórias marcantes de alguém próximo, e por isso sabemos que muitas músicas são compostas inspiradas em um momento ou histórias reais, porém, infelizmente, nem sempre essa história por trás daquela música sensacional chega até o nosso conhecimento. Pensando nisso, resolvi reunir aqui algumas dessas músicas e respectivamente suas histórias.

    1 – Fix You – Coldplay

    Chris Martin, o vocalista da banda, escreveu essa música para a sua ex-esposa Gwyneth Paltrow quando ela perdeu o pai. Segundo histórias, ela andava arrasada por dias e então Chris quis saber o que poderia fazer para ajuda-la. Foi quando ela respondeu que ele era o único que poderia “conserta-la”. E desta forma nasceu a música Fix You.

    Continue Lendo

Carregar Mais
Topo