Colunas

Side Quest: 5 coisas que não entendemos: 5.ª Temporada de Game of Thrones

sidequest

E então, surgiu uma série como nenhuma outra. Ela misturava elementos fantásticos e mitológicos com a crueza da realidade, os jogos políticos sujos da monarquia e a podridão em que o homem medieval vivia. Tudo isso em diversos pontos de vista. Nem todo vilão era tão mal assim (fora alguns malditos (sim, o Joffrey pirralho do inferno)), nem todo herói era tão bom. Game of Thrones rapidamente se tornou um hit da HBO, agradando fãs dos livros e levando outros tantos a acompanharem os textos de George R. R. Martin.

Aí veio a quinta temporada.

Tá certo que desde a terceira o carrinho começou a descarrilar, mas na última temporada virou um desastre completo. Personagens interessantes virando meros alívios cômicos, outros perdendo toda a personalidade, e, por fim, o completo abandono dos textos originais. Ainda assim, preferimos nos ater ao nome desse quadro e trazer as 5 coisas que não entendemos nesta temporada de Game of Thrones.

Se você ainda não viu então…SENTA QUE LÁ VEM SPOILER

Vamos começar por Jaime. Nem vamos citar os livros onde ele sequer chega perto de Dorne. Não precisamos. Um personagem atormentado, completamente ferrado. Mas como um Dom Quixote e seu Sancho Pança, partem a fazer trapalhadas no reino das víboras. Que deixaram de ser mulheres fortes para se tornarem fetiches ambulantes.

 

bronn-vs-sand-vipers

Mas eles vão além….AHHHH SE VÃO. A Myrcella tem que confessar que sabe que ele é o pai dela. Mesmo sendo o tio. E tá de boas…

papai

A Sansa em Winterfell. Não, não, não. Por algum motivo, o pessoal pensou que seria uma boa ideia não deixar a garota no Eyrie onde ela se AUTO-PROCLAMARIA RAINHA DO NORTE e se tornaria a personagem casca-grossa da série. Não não, eles precisavam de uma cena de estupro desnecessária pra fechar a cota da temporada.

tumblr_lylbcdiahh1qeon9oo1_500

Stannis Banana. Um dos personagens mais justos e ferozes dos livros, o Baratheon estava sofrendo da “síndrome de Ciclope”(Bryan Singer tornou o líder mutante um personagem unidimensional e completamente descaracterizado) desde a segunda temporada. Na quinta temporada foi a pá-de-cal. Ficou com sangue de Barata, com o perdão do trocadilho.

stannis-dies

Brienne. Nos livros, uma personagem condenada a conviver com promessas não cumpridas. Na série, ela poderia encontrar uma agulha no palheiro, com a facilidade em que esbarra nos personagens importantes ao plot como se fosse uma reunião de família. Em um continente do tamanho de Westeros soa estranho, não?

695eb2b0-d575-0132-bfc6-0a13eebe068d

Agora que a sexta temporada vai sair, os receios só aumentam. Será que a série revive seus momentos de glória, ou será que sem a tutela dos livros pra se guiar, vai desmanchar e cair na obscuridade como tantas outras séries no nosso passado.

Mas se você tá curioso, o nosso colega da Capinascreen Renan Liporaci fez a lista do que esperar na próxima temporada.

 

 

Comentários

Populares

Topo