CapinaGames

Side Quest: 5 motivos pra te convencer a jogar No Man’s Sky (PS4 e PC)

sidequest nova

A curiosidade teve início com o primeiro trailer que assisti do jogo. Não houve edição especial, não houve batalhas épicas, não houve frases de efeitos. Foi apenas um gameplay sem cortes mostrando um personagem caminhando por um planeta povoado de vegetações e animais parecidos com dinossauros.

Ele caminha em direção a uma nave e sai voando em direção aos céus. Sem barra de loading, sem transições, ele ganha o espaço. Naves começam a pipocar na órbita do planeta em guerra. O jogador dispara alguns projéteis e segue em direção a outro planeta. completamente diferente do anterior, quase imediatamente.

no-mans-sky-into-the-pixel

Essa é a premissa de No Man’s Sky. Um jogo de universo aberto com mais de 18 QUINQUILHÕES de planetas onde o único objetivo do jogador é realizar o sonho de toda criança da nossa geração: ser um explorador do universo.

Por isso, separamos os 5 motivos que vão te convencer a dar uma chance ao game, além de gameplay e imagens já divulgadas do game. Mesmo que você não vá comprar, vale a pena conhecer esse jogo revolucionário.

BANNER

O jogo sai em 9 de agosto para PS4 e, mais tarde, para PC. No dia do lançamento, vamos fazer uma live do game e todo mundo que participar vai poder nomear um planeta, animal ou plantas!!! Participe!

A coluna continua…

A ideia surgiu do criador do estúdio Hello Games, um grupo de pessoas que criou a série Joe Danger. Nada de grandes jogos, mas um sucesso indie. Sean Murray começou a ter a ideia de No Man’s Sky e trabalhou sozinho até desenvolver uma fórmula que fosse capaz de gerar, proceduralmente, planetas inteiros.

Depois disso, convidou uma parte da equipe para, com ele, começar o desenvolvimento do game, em segredo do resto da empresa. O primeiro trailer foi apresentado no Video Game Awards de 2013 e ganhou o mundo rapidamente

hello

Equipe da Hello Games. Sean Murray é o barbudo à esquerda

A partir daí, a equipe começou a se dedicar e desenvolver pedaços de plantas, animais e terrenos, desenhando-os em base nas literaturas, obras de arte e filmes de ficção científica. Cada pedaço dos milhares criados é recombinado matematicamente, criando planetas, plantas e animais completamente diferentes, a cada descoberta.

Cada vez que você se aproxima do planeta, o código do jogo começa a montar sua estrutura, aumentando a resolução conforme o jogador se aproxima e reduzindo-a conforme se afasta.

nave

Naves e ruínas tecnológicas também farão parte das paisagens dos planetas

Mas o que impressiona mesmo é a escala do game. A probabilidade de planetas que serão criados é praticamente infinita. Serão 18 bilhões de bilhões de possibilidades. É impossível explorar tudo o que for criado a partir do momento que alguém descobrir um planeta. A missão é chegar ao centro da galáxia, mas não é isso que mais motiva os exploradores.

Para se ter uma ideia, cada jogador vai “nascer” em um planeta diferente e poderá nomear todas as suas descobertas. Encontrar outro player vai ser tão improvável quando encontrar uma agulha no palheiro.

Improvável. Não impossível.

mapa

Isso não é uma cutscene. Isso é o MAPA do jogo

Pra finalizar, toda a descoberta será enviada aos servidores para que qualquer pessoa saiba que VOCÊ já esteve no planeta antes e VOCÊ descobriu ele.

Nós podemos ter perdido a chance de descobrir o mundo como os antigos navegadores fizeram ou cedo demais para apreciar viagens interestelares, mas com No Man’s Sky teremos a possibilidade de explorar um universo único e cheio de desafios.

Um universo onde o céu é de ninguém.

foto 2

Comentários

Populares

Topo