Romanticamente Apocalíptico

Romanticamente Apocalíptico [138]

ra138g

snippyavatar4

“TAR-RUUMP PUMP PUMP!”

A voz estrondosa do Capitão me acordou. Eu instintivamente estendi a mão para a minha arma. Não estava onde eu a deixei. Droga.
Eu virei para a esquerda e cai da cama improvisada que era realmente uma mesa com um monte de jornais velhos empilhados em cima.
Olhei debaixo da mesa, para desencargo de consciência. Não havia nada lá, só vidro quebrado, poeira e algum tipo de coisa preta com 15 olhos que olhava para mim com curiosidade e depois desapareceu quando eu pisquei.

Saí do meu quarto improvisado para ser recebido pela visão do Capitão e do Engie.
“BOM DIA, MEUS MINIONS GOSMENTOS! ACORDEM E BRILHEM PARA O MUNDO!” Capitão gritou.

“Onde está minha arma?” Eu perguntei.

“VOCÊ NÃO ESTÁ CANSADO DO INVERNO?” Capitão ignorou minha pergunta, gritando algo completamente irrelevante como de costume.

“Não, sério, o que você fez com ela desta vez?” Eu exigi.

“UMA NOVA E GLORIOSA MISSÃO NOS AGUARDA!” Capitão concluiu.

“Deixe-me adivinhar… Snippy, sua arma cresceu pernas e agora é o seu trabalho ir buscá-la na toca mortal das formigas gigantes?” Eu disse, irritado. “Ou … talvez … você negociou minha arma em troca de um frasco de picles em um buraco negro misterioso, porque o seu sanduíche não tinha o sabor suficiente?”

“MESMO SENDO DUAS ÓTIMAS IDEIAS QUE PODERÃO SER IMPLEMENTADAS NUM FUTURO PRÓXIMO, A RESPOSTA PARA SUA PERGUNTA OS ESPERA LÁ FORA.” Capitão acenou para mim e marchou para baixo.

Olhei para Engie “O que ele tirou de você?”
Engie feito um som mal-humorado: “hrmpf”.
“Foi a sua voz? Existe alguma razão para você estar com medo de falar comigo?” Eu perguntei.
Engie se afastou de mim, seguindo o Capitão até o andar de baixo.
“Tudo bem, é assim que será então?!” Eu reclamei em voz alta.
Forte vento uivava de fora e me polvilhou com neve a partir de numerosas janelas quebradas.

“MESMO ECONOMIZANDO BASTANTE COM OS CUSTOS DE GELADEIRAS, OS GASTOS COM AQUECEDORES ESTÃO MUITO ALTOS PARA O MEU GOSTO.” Capitão acenou um pedaço de papel para mim que parecia algum tipo de uma conta de luz de 40 anos de idade.

“Contas de aquecimento velha? É por isso que eu estou congelando a minha bunda aqui fora?” Eu perguntei, tremendo. A temperatura exterior era bastante desagradável hoje e o vento forte estava vazando através da minha jaqueta da Directorate à prova de fogo.

“APRENDA A APRECIAR AS MARAVILHAS COISAS DO INVERNO, MR SNIPPEY!” Capitão proclamou. “PATINAÇÃO NO GELO, ESQUIAR, FAZER ANJOS DE NEVE, LUTAS DE BOLAS DE NEVE. LOGO ISSO TUDO PASSA E VOCÊ VAI FICAR COM SAUDADE!”

“Por que eu sentiria falta?” Eu suspeitosamente perguntei. “Você está planejando colocar fita adesiva nos meus braços? Ou … Você está planejando me colar com este idiota à minha volta para fins de criação de uma centopeia humana?” Eu apontei para Engie.

Engie se contraiu um pouco com as palavras “centopeia humana”.

“Centopeia! Ninhos de aranhas comedoras de homens! Ebola!” Eu gritei para Engie na esperança de quebrar o tratamento do silêncio dele.

Não funcionou como esperado. Engie apenas choramingou e lentamente se afastou de mim, tentando colocar Capitão entre nós. Realmente, eu não sei o que eu esperava.

“Arma. Cadê?” Eu severamente olhei para o Capitão, tentando simplificar minhas exigências.

Capitão apontou para o céu. Eu olhei para o céu. Não havia nada, só a neve lá, muita e muita neve, girando em padrões e descendo em direção às minhas lentes.

“Tem algo lá em cima ou você está apontando para o nada de novo…?” Olhei para o Capitão.
Capitão estendeu uma pá de neve e uma espátula.
Eu ignorei a aparência inexplicável desses itens e simplesmente exasperadamente perguntei: “Por quê?”

“EIS AS SUAS ARMAS!” Capitão estendeu os braços com a espátula mim e para a pá de neve em direção ao Engie.

Eu imediatamente peguei a espátula do Capitão, só porque quando o Capitão lhe dá algo é melhor pegá-lo, caso contrário ele vai acabar sendo colado na sua cabeça na manhã do dia seguinte. Engie não sabia esta importante lição, então ele estupidamente olhou para a pá de neve.

Capitão balançou o braço com a pá de neve para o Engie.
“VÁ EM FRENTE! ELA NÃO MORDE, A NÃO SER QUE VOCÊ A MORDA ANTES!”

Engie se contraiu duas vezes ao ouvir as palavras “mordida”, recusando-se a aceitar a pá.

“SNIPPEY, EXPLIQUE PARA O SENHOR ENGIE MEU PRIMEIRO PRINCÍPIO DE COMANDO” Capitão olhou para mim.

Eu não sabia o qual era o primeiro princípio, uma vez que esta era a primeira vez que tal termo foi usado para mim, então eu simplesmente disse: “Se você não pegar a pá agora, você provavelmente vai acabar com outro balde super- colado à sua cabeça e desta vez vai ser cheio de vermes comedores de cérebro”.

Engie agarrou a pá como se estivesse se afogando no mar e a pá fosse uma corda salva-vidas.

“ESTEJAM NA SALA DE REUNIÕES DAQUI 30 MINUTOS PARA A OPERAÇÃO: INVERNO VÁ EMBORA” Capitão declarou, dando dois grandes passos para trás de forma tão suave como se marchar para trás fosse a coisa mais natural do mundo.

Olhei para Engie que estava segurando firmemente sua pá.
Capitão já tinha desaparecido na tempestade de neve, dando mais dois passos para trás mais rápido que eu pudesse piscar.
A localização da sala de reuniões não foi especificada.

AGRADECIMENTOS:

Alexius, pela sua brilhante criação;
Aos apoiadores do Capinaremos, que atingiram a meta para o retorno do RA;
Eu, pela tradução do texto deste capítulo.

Comentários

Populares

Topo